ATENDIMENTO PSICOPEDAGÓGICO: QUANDO É NECESSÁRIO?

Dificuldades de aprendizado, de concentração e risco de repetência escolar. Esses são sinais de alerta para pais e educadores, que devem pedir auxílio de um psicopedagogo. O ingresso na escola, ou a troca de instituição de ensino, são situações que podem gerar estresse e desencadear problemas no rendimento do aluno.

Alguns sintomas que podem ser observados são: ansiedade, dificuldade para dormir, roer unhas, comer compulsivamente ou perder a fome e queixar-se de dores imaginárias. Em adolescentes, o mais comum é apatia e perda de interesse pelos estudos.

Para ser efetiva, a atuação do profissional de Psicopedagogia deve ser realizada em conjunto com pais e professores, para identificar os fatores que possam contribuir para os problemas de aprendizado da criança ou adolescente. O trabalho psicopedagógico também tem como objetivo provocar no aluno o desejo de aprender e não somente melhorar o rendimento escolar.

Adultos também podem receber tratamento psicopedagógico quando apresentarem dificuldades de concentração e de memorização, falta de organização para estudar ou dúvidas vocacionais.

Na matéria "Problema de aprendizado: quando encaminhar para um psicopedagogo" do Blog da Eduqa.me, são abordados os erros e acertos dos diagnósticos de hiperatividade e déficit de atenção, além do papel do psicopedagogo nesse contexto.

Compartilhe esse Post